Como fazer a manutenção e limpeza das fachadas de vidro

(12/11/2018)


Fachadas de vidro, seja em arranha-céus ou em prédios baixos ou residências, são um atrativo estético para as construções — sem contar os outros benefícios que o nosso material oferece. Mas, além da instalação, é preciso que, de tempo em tempo, seja feita corretamente a manutenção e limpeza da estrutura, a fim de manter e prolongar todos os benefícios que ela oferece. Para isso, confira as nossas dicas!

Planejamento é essencial

Já na hora de instalar a fachada, é necessário que os responsáveis pensem em como serão feitas, posteriormente, a manutenção e limpeza. O ideal é inserir pontos de fixação nas coberturas para a utilização de balancins ou de cordas profissionais, como as utilizadas em rapel. Se não for possível, existe a alternativa de se criar aberturas nas fachadas para o acesso dos profissionais da manutenção.

Trabalhos em construção baixas

Nesses lugares, é possível trabalhar no chão, com a ajuda de escovas e rodos equipados com hastes de longo alcance. Evite usar máquinas que geram jatos d’água: a estanquidade das estruturas pode ser comprometida por conta da pressão pontual da água.

Em edifícios altos

A primeira regra é se preocupar com a segurança, tanto de quem irá limpar, como dos pedestres e do patrimônio. A Norma Regulamentadora 35 (NR35), do Ministério do Trabalho e Emprego, estabelece as medidas de proteção para o trabalho em altura — toda atividade executada acima de 2 m do nível inferior. Nesses casos, a limpeza deverá ser feita por meio de balancim ou corda (rapel).

Cuidado com os produtos utilizados

Durante o processo de limpeza, é proibido agredir o vidro com produtos abrasivos ou que possam causar corrosão. E não é só o nosso material que pode ser danificado: tratamentos superficiais das esquadrias (como pintura eletrostática e anodização) também podem sofrer.

Dupla imbatível: sabão neutro e água

Esses dois, com o auxílio de esponja ou pano macio, retiram grande parte das sujeiras. Diversos produtos para limpeza estão disponíveis no mercado, mas fique atento às informações nos rótulos das embalagens. Algumas empresas usam, por exemplo, água desmineralizada, para potencializar a ação. Existem ainda itens à base de silicone e teflon que formam uma “camada” invisível, tampando os poros do vidro.

A limpeza deve ser feita de quanto em quanto tempo?

Depende da localização. Se o prédio está em locais com muito trânsito (com fuligem, culpa da fumaça dos carros); em parques e regiões costeiras (com maresia e limo); ou em regiões onde chove bastante (água com alto teor de minerais, como cálcio e magnésio), a limpeza deve ser feita mensalmente.

 

Fonte: Abravidro


Últimas Notícias


  • Fachadas de vidro, seja em arranha-céus ou em prédios baixos ou residências, são um atrativo estético para as construções — sem contar os outros benefícios que o nosso material oferece. Mas, além da instalação, é preciso que, de tempo em tempo, seja feita corretamente a manutenção e limpeza da estrutura, a fim de manter e prolongar todos os benefícios que ela oferece. Para isso, confira as nossas dicas! Já na hora de instalar a fachada, é necessário que os responsáveis pensem em como serão feitas, posteriormente, a manutenção e limpeza. O ideal é inserir pontos de fixação nas coberturas para a utilização de balancins ou de cordas profissionais, como as utilizadas em rapel. Se não for possível, existe a alternativa de se criar aberturas nas fachadas para o acesso dos profissionais da manutenção. Durante o processo de limpeza, é proibido agredir o vidro com produtos abrasivos ou que possam causar corrosão. E não é só o nosso material que pode ser danificado: tratamentos superficiais das esquadrias (como pintura eletrostática e anodização) também podem sofrer.   Dupla imbatível: sabão neutro e água Esses dois, com o auxílio de esponja ou pano macio, retiram grande parte das sujeiras. Diversos produtos para limpeza estão disponíveis no mercado, mas fique atento às informações nos rótulos das embalagens. Algumas empresas usam, por exemplo, água desmineralizada, para potencializar a ação. Existem ainda itens à base de silicone e teflon que formam uma “camada” invisível, tampando os poros do vidro.   Periodicidade:   Depende da localização. Se o prédio está em locais com muito trânsito (com fuligem, culpa da fumaça dos carros); em parques e regiões costeiras (com maresia e limo); ou em regiões onde chove bastante (água com alto teor de minerais, como cálcio e magnésio), a limpeza deve ser feita mensalmente.  

    (02/09/2020)

  • Para evitar problemas causados pelo excesso de chuva é importante vedar vazamentos de janelas, principais focos de infiltrações, com selantes à base de silicone, material indicado para a vedação de caixilhos, calhas, juntas de dilatação e fachadas. O uso de silicone nas extremidades de uma janela externa elimina 90% das infiltrações.   A vedação com silicone é resistente a expansões e contrações térmicas, oscilações do vento e movimentos sísmicos e não representa custos elevados. Selantes à base de silicone são facilmente encontrados em lojas de material de construção e costumam ser comercializados em embalagens tipo bisnaga com bico dosador, o que facilita o processo de aplicação.   Antes da aplicação, verifique o tipo de superfície para escolher o selante de silicone ideal e garantir seu desempenho. No caso de concreto e alumínio, os produtos mais indicados são o de cura neutra. Selantes de cura acética (liberam odor de vinagre), devem ser evitados em aplicações com concreto ou cimento.   Passo a passo:   1. Antes de aplicar o selante é preciso identificar exatamente o local onde está ocorrendo a infiltração e se assegurar de que esteja seco e limpo. 2. Proteja as bordas com uma fita isolante, para garantir um bom acabamento. 3. Depois, aplique uma camada de selante no peitoril (entre o caixilho e a parede) da janela ou nos pontos que apresentam infiltração. Use uma espátula para garantir o preenchimento dos espaços vazios. 4. Para finalizar, retire a fita. A cura total do selante de silicone ocorre no prazo de sete dias, porém o local pode ser utilizado 24 horas após a aplicação.  

    (01/09/2020)

  • Coronavírus: com as crianças mais tempo em casa, pais devem redobrar atenção para evitar acidentes Aulas estão paralisadas e muitos adultos trabalham em modelo home office. Todo cuidado é pouco para que os pequenos não se machuquem https://www.em.com.br/app/noticia/bem-viver/2020/04/12/interna_bem_viver,1136895/coronavirus-com-as-criancas-mais-tempo-em-casa-pais-devem-redobrar-a.shtml

    (24/06/2020)

  • http://Os ensaios em vidros revestidos para controle solar

    (03/07/2019)

  • Como comprar esquadrias padronizadas de alumínio?

    (21/02/2019)

  • http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2015/09/queda-de-criancas-de-predios-causa-mais-de-33-mortes-por-ano-no-brasil.html  

    (06/02/2019)

Ver todas as notícias

Fale Conosco

Contato

Porto Alegre / RS

Rua São Luis, 570

Bairro Santana

administrativo@mpaengenharia.net

51 3061.2047

51 99683.3006

Solicite uma Assistência Técnica